Only Darkness
Seja bem vindo, se você já é cadastrado faça o login para acessar o fórum, caso contrário registre-se!
Últimos assuntos
» 2014
Dom 5 Jan 2014 - 19:07 por AndBecker

» Chat: E ae galera, como vão?
Qua 16 Out 2013 - 19:13 por Anjjeperura

» Espadas, Honra e Sangue - Canto I de Allen
Sex 6 Set 2013 - 18:16 por Rolador de Dados

» A investida do leão - Canto I de Daewron
Qua 28 Ago 2013 - 0:22 por Miac

» Canto II - Vous pouvez ne pas aimer l'avenir
Sex 28 Jun 2013 - 10:35 por Stian

» Capítulo 2 - Ato II - The Choice
Qui 27 Jun 2013 - 18:51 por Oliveira

» Canto II - Le ciel noirci
Qui 27 Jun 2013 - 10:27 por Anjjeperura

» Canto II - Ma faim suce votre vie
Qui 27 Jun 2013 - 9:37 por Miac

» Canto II - La tête du corbeau
Qua 26 Jun 2013 - 18:29 por Danto

» Capítulo 3 - Ato III - Numb
Sab 15 Jun 2013 - 10:21 por Miac

» ─ Capítulo I, Ato I, II e III ~ Segredos do Avatar. ─
Sex 14 Jun 2013 - 1:57 por Danto

» ─ Capítulo I, Ato I, II e III ~ Despertando Através do Oculto. ─
Seg 10 Jun 2013 - 17:57 por Anjjeperura


Capítulo 3 - Ato III - Numb

Ir em baixo

Capítulo 3 - Ato III - Numb

Mensagem por Stian em Seg 6 Maio 2013 - 21:35



Atlanta - 16 de Janeiro de 1999 - 10:45 p.m. - Bairro Nobre de Atlanta


A casa invadida não possuía segurança alguma, exceto pela cerca elétrica facilmente ultrapassada pelos invasores cainitas.

Dave já tratava de arrombar a porta com maçaneta e tudo, utilizando-se de sua força incomum, os demais o seguiam casa adentro.

Nada além do choro de um bebê podia ser ouvido, porém muito baixo, quase inaudível, mas para os ouvidos treinados do grupo, era como uma cachoeira.
avatar
Stian
Narrador
Narrador

Mensagens : 105
Data de inscrição : 11/03/2011
Idade : 28
Localização : Esteio - RS

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 3 - Ato III - Numb

Mensagem por Miac em Sab 15 Jun 2013 - 10:21

Anderson caminhou atrás de seu grupo como uma sombra, as trevas lhe cobria o rosto com a ajuda do capuz de sua jaqueta que o deixava com um ar de incógnita, um homem sem rosto é um homem sem historia, foi a única coisa que se lembrou naquele momento, a casa era luxuosa de mais e o choro o deixava completamente irritado, as sombras em sua volta demonstravam sua irritação o deixando ameaçador enquanto se moviam a sua volta com ferocidade, as poucas memorias que tinha de quando era um prisioneiro de seu senhor e todo o medo que passava o atormentavam e ele desejava que aquilo acabasse.
- Estão todos com esse bebê que não cala a boca, é só seguir o choro que chegamos ao ouro.
Sua voz erra de tom antipático demonstrando uma frieza assustadora, seu corpo se movia em direção há origem do choro.
" Nunca foi pessoal, eu preciso continuar andando pela noite e sempre será assim, não nego quem sou e o que me tornei!" 

_________________
Pessoas boas demais, possuem um psicopata escondido por debaixo de suas peles.
avatar
Miac
Rpgista
Rpgista

Mensagens : 116
Data de inscrição : 10/03/2011
Idade : 28
Localização : São Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum